domingo, 13 de novembro de 2016

Domingo Na Usina: Biografias: Chloe Anthony Wofford:



Toni Morrison, nasceu na cidade de Lorain, em Ohio, nos Estados Unidos, no dia 18 de novembro de 1931. Ela se tornou famosa por sua obra intensa e comovente, na qual ela expressa a vivência das negras norte-americanas ao longo dos séculos XIX e XX.

Vinda de um lar pobre, ela passa por muitas dificuldades financeiras na infância, principalmente por conta da Grande Depressão. Toni cursa teatro na Universidade de Harvard e ingressa na Faculdade de Letras da Universidade de Cornell, na cidade de Nova York. Após a graduação ela atua como professora de inglês no meio acadêmico.

De 1965 em diante a escritora exerce o ofício de editora de obras ficcionais, até lançar seu primeiro livro, O Olho mais Azul, em 1970. Nesta publicação ela narra a história de uma jovem da raça negra que tem uma verdadeira compulsão pela pele branca, torturando-se incessantemente por não possuir olhos azuis. Toni se vale desta narrativa para discorrer sobre questões ligadas à raça, ao feminino e aos padrões convencionais de beleza. Esta temática se repete em vários de seus trabalhos.

Outras obras suas são aclamadas pelos críticos e pelos leitores dos EUA, entre eles Song of Solomon, de 1977, que a consagra também internacionalmente. Na obra Tar Baby, de 1981, a escritora traduz os embates raciais, sociais e sexuais que se desenrolam em uma ilha caribenha.

Posteriormente a autora lança Amada, em 1987, o primeiro volume de uma trilogia celebrada, a qual engloba Jazz, publicado em 1992, e Paraíso, de 1997. O livro Amada, inspirado em fatos reais, é reconhecido pelos críticos, que lhe conferem o Prêmio Pulitzer de melhor ficção, e é considerado o melhor romance americano dos últimos 25 anos pelo periódico norte-americano The New York Times.

Em 1998 esta obra é vertida para a linguagem cinematográfica pelo diretor Jonathan Demme – A Bem Amada, filme protagonizado por Oprah Winfrey e Danny Glover. Em seu currículo constam igualmente obras dramatúrgicas, ensaios, literatura direcionada para crianças e um libreto de ópera. Sua publicação mais recente é A Mercy, de 2008.

Toni Morrison teve a iniciativa de retratar em seus livros personagens que apresentam história de vida semelhante a sua. Sua popularidade vem justamente de sua maestria em traduzir as experiências destas protagonistas negras e miseráveis, em um país economicamente abalado.

Este viés literário assumido por Morrison, uma mulher negra e de origem humilde em um país reconhecido por sua tradição racista, a consagra como uma das melhores escritoras norte-americanas dos últimos tempos, o que lhe vale, em 1993, o Prêmio Nobel de Literatura.

Mesmo tendo que desenvolver seu processo criativo madrugada afora, no momento em que os filhos dormiam, ela não hesitou em seguir sua jornada literária. Hoje, mesmo com as crianças convertidas em adultos, ela ainda cultiva a rotina de escrever das 4 horas da manhã em diante, quando ela considera estar em seu apogeu criador.

Fontes:
http://www.algosobre.com.br/biografias/toni-morrison.html
http://pt.wikipedia.org/wiki/Toni_Morrison

fonte de origem:

Nenhum comentário:

Postar um comentário