quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Quarta na usina: Poetisas Da Rede:Silvana Ribeiro :Encontro anônimo:


Quando nossos anônimos olhos se encontraram
Logo se aproximaram

E depois se distanciaram

Nossos pensamentos os reencontraram
E na universalidade cósmica
Nossos olhos e pensamentos se desabrocharam
Como uma estrela brilhante que desaponta no céu
Materializando nosso encontro carnal e espiritual
Fazendo nascer um sentimento universal



(Poesia atemporal)



Por: Silvana Ribeiro 

Um comentário: