quarta-feira, 19 de abril de 2017

Quarta Na Usina: Poetisas Da Rede Maria Aparecida Galvão:SÓ POR TI:



As nuvens exploram entre os raios do sol
que ressurge na espuma do horizonte.

Que o vento te acariciem por mim,

enquanto te espero nos dias que passam.

Por ti, só por ti...

Abraço os abismos.

Canto com os pássaros mudas cantigas,
Mesmo que a noite se vista de silêncio,
segredo-te esperanças.
Através dos dias, as flores resistem
as interpéries que desbravam o seu sossego.
Do meu olhar entristecido,
Nasce a primavera
Para que te ame mais
com as minhas palavras.
Por ti, só por ti
Afugento o inferno
para bracejar nadando,
nos rios da lua...
Dispo arrepios.
Visto-me de incensos e caminho ao teu encontro.

Simpl - Mary

Nenhum comentário:

Postar um comentário