segunda-feira, 8 de maio de 2017

Crônicas De segunda Na Usina:A Revolução em nossas mãos:

Vamos acabar com esta farra com o nosso dinheiro.

1- Redução do número de representantes no Senado na câmera legislativas federal, estaduais e municipais.
2- Cinco deputados federais por estado, mais o distrito federal, totalizando 135 deputados federais.
3- A criação da proporcionalidade na ocupação das cadeiras legislativas federais, A legenda que obtiver a maioria dos votos ficaria com, 70 vagas, 40 para a 2ª legenda, 25 vagas para 3ª legenda.
4- Dois senadores por estado mais o distrito federal, totalizando 54 senadores.
5- Distribuídos: 30 cadeiras para a 1ª legenda, 16 cadeiras para a 2ª legenda, 8 cadeiras para a 3ª legenda.
6- Quarenta representantes no legislativo estadual.
Distribuídos nas seguintes formas: 25 cadeiras para a 1ª legenda, 10 cadeiras para a 2ª legenda, 5 cadeiras para a 3ª legenda.
7- Vinte representantes nos legislativo municipais, nos municípios com mais de 500 mil habitantes.
8- Distribuídos nas seguintes proporções, 10 cadeiras para a 1ª legenda, 7 cadeiras para a 2ª legenda, 3 cadeiras para a 3ª legenda.
Dez representantes nos legislativos municipais para os demais municípios.
Distribuídos nas seguintes proporções, 5 cadeiras para a 1ª legenda, 3 cadeiras para a 2ª legenda, 2 cadeiras para a 3ª legenda.
9- Mandatos únicos de seis anos sem direito a reeleição.
10- Mandatos únicos de seis anos sem direito a reeleição, também para presidente.
11- Extinção do segundo turno nas eleições.
12- Unificação da data das eleições proporcionais, Municipais estaduais, e federais.
13- Financiamento publica de campanha.
14- Instituição do voto de legenda. (com eleições diretas internas em cada legenda para formular os quadros dos seus representantes.)
15- Redução para três legendas partidárias.
16- Fim do foro privilegiado, (e a instituição de agravantes para o crime cometido durante o mandato parlamentar com o aumento de trinta por cento nas penas.)
17- Extinção dos cargos comissionados. (cada legenda teria Três funcionários por gabinete (que não poderia ter nem um grau de parentesco com nenhum representante do partido ou de outra legenda.)
18- Extinção das verbas de gabinetes, assim como todos e quaisquer que seja os benefícios, cota de combustível carro oficial, auxílio moradia, plano privado de saúde, passagens aéreas, cursos de formação, etc.
19- Não seriam permitidas coligações para o pleito eleitoral.
20- Das remunerações:
21- Presidente da Republica vencimentos máximos 30 salários mínimos.
22- Senadores vencimentos máximos 28 salários mínimos.
23- Extinção do cartão corporativos em todas as esferas de governos e instituições publicas.
Deputados federais vencimentos máximos 25 salários mínimos.
24- Governadores vencimentos máximos 21 salários mínimos.
25- Deputados estaduais vencimentos máximos 18 salários mínimos.
26- Prefeitos vencimentos máximos 14 salários mínimos.

27- Vereadores vencimentos máximos 12 salários mínimos, para municípios com mais de 500 mil habitantes.
28- Vereadores vencimentos máximos 06 salários mínimos, para os demais municípios.
29- Das aposentadorias: Para todos os cidadãos eleitos através de voto tanto âmbito municipal, estadual ou federal, só terá direito a aposentadoria, aqueles que tiverem cumprido três mandatos. E sem efeito acumulativo, para aqueles que já recebam alguma aposentadoria do poder publico terá que optar só por uma delas.
30- Declaração publica de bens e renda. Assim como fim do sigilo bancário e telefônico para tods aqueles que acate denuncias de crime cometido no exercício do poder.

Nenhum comentário:

Postar um comentário