quarta-feira, 17 de maio de 2017

Quarta Na Usina: Poetisas Da Rede:Ana Paula Ribeiro :A tua espera:


Vou todas às manhãs 
Em minha sacada à te esperar 
Mas um vazio instalá no 

meu peito pois uma espera
vão dói meu coração.

Olhar fixos em uma direção 
Sinto uma convicção 
Que meu olhar vai mudar
Pra outro horizonte 
Ainda minha espera não 
vai ser em vão.

Sei que você vai chegar 
E não deixarei você partir
Pois tua amada quer
te amar pois vive amargurada
Só quero ser tua amada.

Ana Paula Ribeiro 
27/07/2015/12:04hrs
Todos os direitos Preservados.

Um comentário: