quarta-feira, 24 de maio de 2017

Quarta Na Usina: Poetisas Da Rede:Maura Rizzi.:Procuro:


Um coração 

que seja como o meu
um amante aventureiro
destemido hospitaleiro
onde eu possa fixar
minha morada permanente
sem temor e sem pudor
só cultivando o amor
onde quer que a gente vá
vamos nos tornar ciganos
belos fortes e companheiros
viajando pelo mundo
sem pressa e sem destino
levando na mala o amor
tocando a nossa canção
em noites claras de lua
serei tua doce amante
ouvindo nos teu gemidos
o prazer vindo da tua vós
entoando o doce hino
ao dizer-me que sou só tua.


Maura Rizzi.

Nenhum comentário:

Postar um comentário