quarta-feira, 21 de junho de 2017

Quarta Na Usina:Poetisas Da Rede: Elisabeth Gliceria da Conceiçao: Sacia -me:



Vem; sacia - me,

sou gata no cio.
Rasga minha roupa,
vou te mostrar
como é.
Sem pudores ; só prazer.
Preencha meus espaços
umedece minha carne,
faça - me mulher.
Não demore, te 
quero agora,
agarrar teu corpo,
num vai e vem 
tão louco,
vou te dar prazer.
Gata maluca, te arranha
te sacia, hum..sou mulher.
E nesse frenesi,
o gozo do prazer
corpo trêmulo, carne
úmida; 
Quero mais, bem mais.
Outra vez, você.

Elisabeth Gl da Conceição

Nenhum comentário:

Postar um comentário