domingo, 23 de julho de 2017

Domingo Na Usina: Biografias: Afonso d'Escragnolle Taunay:


Nascido em Nossa Senhora do Desterro (atual Florianópolis) no dia 11 de julho de 1876, Afonso d'Escragnolle Taunay atuou em diversas áreas. Foi professor, romancista, lexicógrafo e, como historiador, deixou um legado para o registro das bandeiras de São Paulo.
O local de nascimento de Afonso d'Escragnolle Taunay foi o “Palácio Rosado”, como era chamada a sede do Governo na antiga Vila do Desterro. Seu pai, Alfredo d'Escragnolle Taunay, era o presidente da província de Santa Catarina e sua mãe era a viscondessa de Taunay, Cristina Teixeira Leite. Em 1900, Taunay termina seus estudos no curso de Engenharia Civil da Escola Politécnica do Rio de Janeiro. Lecionou na Escola Politécnica de São Paulo entre os anos de 1904 e 1910. Assumiu a direção do Museu do Ipiranga, cargo em que ficou de 1917 e 1945. Em 1930, trabalhou na reorganização do acervo do Arquivo e da Biblioteca do Ministério das Relações Exteriores. Entre os anos de 1934 e 1937, lecionou na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da USP - Universidade de São Paulo.

Afonso d'Escragnolle Taunay teve importante atuação no IHGB (Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro) e no IHGSP (Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo). Além disso, atuou na Academia Portuguesa de História, na Academia Paulista de Letras e em Institutos Históricos estaduais como correspondente, o que possibilitou sua grande dedicação aos estudos do bandeirismo paulista, entre outros temas da cultura brasileira. Entre outras atividades, destacou-se como lexicógrafo ao se especializar na terminologia científica. Além disso, foi grande estudioso de genealogia e publicou artigos sobre o assunto.

Após seu casamento com Sara de Sousa d'Escragnolle Taunay, deixou cinco herdeiros: Clarisse d'Escragnolle Taunay, Augusto d'Escragnolle Taunay, Maria Egídia d'Escragnolle Taunay, Paulo d'Escragnolle Taunay e Ana d'Escragnole Taunay.

Obras de Afonso d'Escragnolle Taunay:

Leonor de Ávila
Ensaios de bibliografia
Nicolau A. Taunay
São Paulo nos primeiros anos
São Paulo no século XVI
Pedro Taques e seu tempo
A vida gloriosa e trágica de Bartolomeu de Gusmão
Obras diversas de Bartolomeu de Gusmão
A missão artística de 1816
Non ducor, duco: notícias de São Paulo
Escritores coloniais
História geral das bandeiras paulistas, 11 vols.
História seiscentista da vila de São Paulo, 4 vols.
História antiga da abbadia de São Paulo
História do café no Brasil, 11 vols.
Pequena história do café no Brasil (1727-1937)
Zoologia fantástica do Brasil (séculos XVI e XVII)
Rio de Janeiro de antanho: impressões de viajantes estrangeiros
Lexicografia: Léxico de termos técnicos e científicos
A terminologia científica e os grandes dicionários portugueses
História da Cidade de São Paulo
Fontes:
http://www.academia.org.br/abl/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?infoid=35&sid=88
http://www.cdpb.org.br/bandeiras_paulistas.pdf
http://www.portalcatarina.ufsc.br/autores/?id=10457

http://www.g-sat.net/biografias-1211/afonso-descragnolle-taunay-98586.html

Fonte de origem:

Nenhum comentário:

Postar um comentário