domingo, 16 de julho de 2017

Domingo Na Usina:Biografia: João Ubaldo Ribeiro:

João Ubaldo Ribeiro (1941-2014) foi romancista, cronista, jornalista, tradutor e professor brasileiro. Membro da Academia Brasileira de Letras ocupou a cadeira nº 34. Em 2008 recebeu o Prêmio Camões. Foi um grande disseminador da cultura brasileira, sobretudo a baiana. Entre suas obras que fizeram grande sucesso encontram-se "Sargento Getúlio", "Viva o Povo Brasileiro" e "O Sorriso do Lagarto".
João Ubaldo Ribeiro (1941-2014) nasceu em Itaparica, Bahia, no dia 23 de janeiro de 1941, na casa de seus avós. Filho dos advogados Manuel Ribeiro e de Maria Filipa Osório Pimentel. Fez seus primeiros estudos em Aracaju, no Instituto Ipiranga. Em 1951 ingressou no Colégio Estadual Atheneu Sergipense. Em 1955 mudou-se para Salvador, e ingressou no Colégio da Bahia. Estudou francês e latim. Formou-se em Direito na Universidade Federal da Bahia.
Seu primeiro romance foi "Setembro Não Tem Sentido", publicado em 1963. Em 1964 recebe uma bolsa de estudos para cursar o mestrado em Administração Pública, na Universidade da Califórnia, Estados Unidos. De volta ao Brasil, leciona Ciência Política na Universidade Federal da Bahia, durante seis anos. Em 1969 casa-se com a historiadora Monica Maria Rotes, com quem teve duas filhas. Separado, em 1980, casa-se com a fisioterapeuta Berenice de Carvalho Botelho, com quem teve um casal de filhos.
Sua segunda obra "Sargento Getúlio", publicado em 1971, lhe rendeu o Prêmio Jabuti de Revelação de Autor, em 1972. A obra chegou ao cinema nos anos 80, protagonizada pelo ator Lima Duarte. Em 1984, ganhou o Prêmio Jabuti com o romance "Viva o Povo Brasileiro". O romance "O Sorriso do Lagarto" foi adaptado para uma minissérie na televisão.
João Ubaldo Ribeiro, a partir de 1994, passou sofrer de depressão, fez tratamento voltou a aparecer em público, em 1998. Em 1991, é eleito para a Academia Brasileira de Letras, ocupando a cadeira nº 34.
João Ubaldo Ribeiro faleceu no Rio de Janeiro, em decorrência de embolia pulmonar, no dia 18 de julho de 2014.

Obras de João Ubaldo Ribeiro

Setembro Não Tem Sentido, romance, 1968
Sargento Getúlio, romance, 1971
Vence Cavalo e o Outro Povo, conto, 1974
Vila Real, romance, 1979
Livro de Histórias, conto, 1981
Política: Quem Manda, Porque Manda, Como Manda, ensaio, 1981
A Vida a Paixão de Pondonar, o Cruel, literatura infantil, 1983
Viva o Povo Brasileiro, romance, 1984
Sempre aos Domingos, crônica, 1988
O Sorriso do Lagarto, romance, 1989
A Vingança de Charles Tiburane, infanto juvenil, 1990
Um Brasileiro em Berlim, crônica, 1995
O Feitiço da Ilha do Pavão, romance, 1997
Arte e Ciência de Roubar Galinhas, crônica, 1999
A Casa dos Budas Ditosos, romance, 1999
Miséria e Grandeza do Amor de Benedita, romance, 2000
O Conselheiro Come, crônica, 2000
Dia do Farol, romance, 2002
A Gente se Acostuma a Tudo, crônica, 2006
O Rei da Noite, crônica, 2008
O Albatroz Azul, romance, 2009
Dez Bons Conselhos de Meu Pai, infanto juvenil, 2011.

Fonte:
http://www.e-biografias.net/joao_ubaldo_ribeiro/

Nenhum comentário:

Postar um comentário